Pular para o conteúdo
Início » F.17

F.17

  • por
Transação F.17

F.17 Confirmação saldo contas a receber

Utilização F.17

A transação F.17 cria, para a verificação das contas a receber e a pagar, as cartas aos clientes e as cartas de resposta necessárias.

São possíveis os seguintes métodos:

  • Confirmação de saldos
  • Comunicação de saldos
  • Solicitação de saldos

Será editada uma lista de reconciliação e, se necessário, uma lista de erros para cada empresa. É ainda possível solicitar uma tabela de resultados. A lista de reconciliação serve para controlar a entrada da confirmação de saldos. O usuário pode ter que lembrar a cada um dos clientes que é necessário enviar a resposta. Na Lista de erros, o report registra em log os erros ocorridos durante a análise. A tabela de resultados serve para analisar as respostas. Aqui o usuário assinala, por exemplo, quantas respostas foram obtidas e o montante total de respostas.

É possível editar um falso-rosto de seleção para cada execução de report.

O report também permite imprimir lembretes para confirmações e solicitações de saldos em atraso. Entrar, para isso, os clientes em questão e ainda a data de emissão e/ou a data da carta de resposta antigas.

Pré-Requisito: Antes de se executar o report, têm que estar preenchidas as condições descritas nas seções que se seguem. Incluem-se aqui as entradas a serem definidas com a configuração do sistema e os formulários que devem ser utilizados para imprimir as cartas e as listas.

Configurações

 

Arquivar nomes de formulários

Para cada empresa, devem ser arquivados, no sistema, pelo menos, um registro de formulário com cartas e respostas a clientes, um formulário para a lista de reconciliação e um formulário para a lista de erros.

Considerar aqui, para o ID de forma, as convenções seguintes:

ListaID de forma
Lista de reconciliaçãoLI
Lista de errosER
Tabela de resultadosRE

O registro de formulário para a carta e resposta pode ser arquivado sob um ID de forma à escolha do usuário. Porém, não é possível utilizar as identificações acima mencionadas! O registro de formulário standard para a carta e resposta deve ser entrado sem ID de forma. Se o campo Empresa não for preenchido, esta entrada será válida para todas as empresas que não forem apresentadas separadamente.

Verificar se esta condição está preenchida.

Arquivar nomes dos textos standard no sistema

É possível arquivar no sistema vários textos standard para cada empresa. Entrar, nos textos standard, os textos a serem editados na carta para cabeçalho, o rodapé, o remetente e a linha de lançamento. Arquivar a variante standard para o texto standard sem ID de texto. Se o campo Empresa não for preenchido, esta entrada será válida para todas as empresas que não forem apresentadas separadamente.

Verificar se esta condição está preenchida.

Entrar endereços

Para cada empresa, é necessário indicar um endereço no sistema. Quanto ao endereço de resposta, é possível entrar endereços para cada empresa sob IDs de endereços diferentes (por exemplo, para o auditor e o respectivo departamento de revisões).

O endereço de resposta standard deve ser arquivado sem ID de endereço.

Verificar se esta condição está preenchida

Determinar outras possibilidades de seleção

As possibilidades de seleção deste report podem ser ampliadas por meio da respectiva marcação na lista. No entanto, no caso de serem selecionadas demasiadas possibilidades, pode ocorrer um erro de execução se a área de roll, ou seja, a parte da memória principal reservada para o processamento dos dados de aplicação, for muito pequena. Além disso, o usuário deveria assegurar-se de que as variantes do report utilizadas são adequadas às possibilidades de seleção atuais.

Verificar se esta condição está preenchida

Definir formas de exibição

As variantes de ordenação para a correspondência permitem determinar a seqüência ordenada da edição das confirmações de saldos. As variantes de ordenação podem ser arquivadas no menu para a atualização das formas de exibição sob Tarefas periódicas -> Correspondência -> Correspondência -> Variantes de ordenação.

Todas as ordenações são efetuadas, em primeiro lugar, de acordo com a empresa, depois na seqüência ordenada dos campos da respectiva variante de ordenação e, por último, segundo o número da conta e o número interno de um cliente CD.

A lista dos campos que permitem a ordenação é obtida, por exemplo, por meio das entradas possíveis (F4). A lista dos campos selecionáveis contém uma seleção dos campos das tabelas de registros mestre KNA1 e KNB1. Os campos de ordenação são preenchidos de acordo com o nome e em uma seqüência ordenada determinada da seguinte forma:

Os campos de ordenação são preenchidos, em primeiro lugar, com dados KNA1 e, em seguida, com dados KNB1.

Os campos, que possuem os mesmos nomes de campos nas tabelas KNA1 e KNB1, poderão ser sobregravados.

Com as variantes de ordenação para as partidas individuais, é possível determinar a seqüência da edição de itens do documento. As variantes de ordenação podem ser arquivadas no menu para a atualização das formas de exibição sob Tarefas periódicas -> Correspondência -> Partidas individuais -> Variantes de ordenação.

Todas as ordenações são efetuadas na seqüência ordenada dos campos da respectiva variante de ordenação. No caso das sedes/filiais, é possível ordenar os documentos, apresentados em uma confirmação de saldo, primeiramente segundo as sedes/filiais e, em seguida, na seqüência ordenada dos campos da respectiva variante de ordenação. Se a variante de ordenação para partidas individuais contiver o campo UMSKZ em um dos cinco campos de ordenação, é editado um título intermediário com a denominação do código do Razão especial quando este código for alterado no standard. Se tal não for desejado, é possível inativar as linhas de título correspondentes no formulário para confirmações de saldo por meio da linha de formato (entrada /*).

A lista dos campos, a partir dos quais é possível efetuar a ordenação, pode ser obtida, por exemplo, por meio das entradas possíveis (F4). A lista dos campos selecionáveis contém uma seleção dos campos das tabelas de documentos BKPF e BSEG. Além disso, no caso das confirmações de saldos, só é possível selecionar campos que estejam contidos na tabela BSID. O campo HBELN contém o número de referência se este estiver preenchido. Caso contrário, está contido o número de documento.

Versão de grupo de empresas / Confirmação de saldos interempresarial

Para utilizar a confirmação de saldos interempresarial, marcar o campo Versão do grupo de empresas.

Neste caso, observar o seguinte:

• Atribuir as empresas para as quais devem ser geradas confirmações de saldos interempresarial para a(s) empresa(s) de correspondência: Atribuir empresas a empresas de correspondências

EmprNome da firmaEmpCorr.
0001Firma 10001
0002Firma 20001
  • Certifique-se que a relação das filiais e empresas centrais é idêntica para as empresas de correspondência e empresas atribuídas.
  • Certifique-se que os clientes/fornecedotes que foram criados em uma empre
    sa que está atribuída a uma empresa de correspondência, também existem na empresa de correspondencia.

Isto é válido para a parte dependente da empresa dos dados mestre.

  • Certifique-se que a empresa de correspondência e as empresas atribuídas têm a mesma variante de exercício.
  • Certifique-se que a moeda interna da empresa de correspondência e da empresa atribuída é idêntica.
  • Certifique-se que o usuário que tem a autorização para a empresa de correspondência, também a tem para todas as empresas atribuídas.

Textos standard e formulários

É necessário criar os textos standard a serem utilizados. Do mesmo modo, é necessário definir e ativar no sistema os formulários, antes de imprimir a carta pretendida. No sistema standard, são fornecidos formulários, que o usuário pode copiar e ajustar às suas necessidades.

É necessário criar os textos standard arquivados no sistema. Para isso, o usuário poderá tomar como exemplo os textos fornecidos no sistema standard (ID de texto ADRS):

Texto standard paraNome
Texto do cabeçalhoADRS_HEADER
Dados de remetenteADRS_SENDER
Texto de assinaturaADRS_SIGNATURE
Rodapé de páginaADRS_FOOTER

Se no papel de carta, utilizado para a carta de confirmação de saldo, já tiverem sido imprimidos dados individuais, não deverá ser arquivado nenhum texto standard no sistema

No sistema standard, utilizam-se estes formulários

Formulário paraNome do formulário
Carta e 
RespostaF130_CONFIRM_01 ou F130_CONFIRM_02
Lista de reconciliaçãoF130_LIST_01 e F130_LIST_02
Tabela de resultadosF130_RESULT_01 ou F130_RESULT_02
Lista de errosF130_ERROR_01 ou F130_ERROR_02

Se forem definidos formulários específicos do usuário, o nome do formulário deve conter a sigla “F130”.

Explicação do formulário F.17

  • Carta e resposta

A carta e a carta de resposta encontram-se em um registro de formulário. No sistema standard trata-se, por exemplo, do formulário standard F130_CONFIRM_01 com a fonte COURIER 12 ou F130_CONFIRM_02. O nome compõe-se do seguinte modo: sigla programa_nome formulário_número. Caso se pretenda utilizar diferentes registros de formulário para clientes e fornecedores, é possível criar formulários específicos.

O formulário compõe-se das páginas FIRST (primeira página) e NEXT (páginas seguintes), para a carta, e FIRST_B (primeira página) e NEXT_B (páginas seguintes), para a resposta

  • A janela da carta

É necessário estar definida a seguinte janela para a carta:

HEADER

O texto standard dependente da empresa arquivado no sistema para o cabeçalho, é utilizado no texto do cabeçalho.

ADDRESS

O texto standard dependente da empresa arquivado no sistema para os dados do remetente e o endereço do cliente estão integrados na janela de endereço. O formato do endereço é efetuado de acordo com as regras postais.

INFO

Aqui são editadas informações gerais, como por exemplo, o local e a data de emissão, os dados da conta e do responsável.

INFO2

Indicação da data na página seguinte.

FOOTER

No rodapé da página inicial da carta, está incluído o texto standard dependente da empresa correspondente.

PAGE

Numeração das páginas seguintes.

MAIN

A janela principal define, por meio dos elementos do texto, o conteúdo e o aspecto do texto de carta e da especificação das partidas em aberto.

  • Elementos do texto para a carta

Os textos da carta devem ser entrados para os vários métodos e cartas sob eventos separados na janela “MAIN”:

Carta   Número de elemento
Confirmações de saldos   510
Notificações de saldos   511
Solicitações de saldos   512
Lembretes para confirmações de saldos  513
Lembretes para solicitações de saldos  514

Além das especificações da data, é também possível incluir no texto o endereço de resposta.

A fórmula de despedida e a assinatura (15) encerram o texto de carta.

A linha em branco (516) é utilizada para separar a assinatura do início da especificação das partidas em aberto. Além disso, esta linha é ainda utilizada após a edição de uma linha ou tabela de totais para operações com e sem livro do Razão Especial.

A especificação das partidas em aberto é editada para as confirmações e comunicações de saldos. Esta especificação começa com o título (520) e o título de coluna (530). O título de coluna é repetido em cada página nova se a especificação do item tiver mais do que uma página.

O endereço da filial (540) ou de uma sede (541) é anteposto a cada uma das partidas individuais correspondentes durante a ordenação de partidas 2, que permite obter uma especificação de acordo com as filiais e as sedes.

Serão listadas partidas em aberto (550), caso tenham sido selecionadas. Deste modo, é possível determinar o volume e a seqüência ordenada das informações para uma partida em aberto. Juntamente com as partidas em aberto, é possível editar, no caso de uma sede, o número de conta de uma filial e, no caso de filiais processadas de forma descentralizada, o número de conta de uma sede. Caso não exista nenhuma partida em aberto para a data fixada de reconciliação, tal será assinalado para clientes individuais e CD (551). No caso de sedes e filiais processadas de forma descentralizada, é possível que a sede e/ou filial individual sejam as únicas a não apresentar qualquer saldo. Neste caso, é necessário distinguir entre saldos zero que indicam que não existem partidas em aberto provenientes de lançamentos diretos em uma sede ou filial (552) e saldos zero que seriam apresentados na conta da sede no caso de ocorrência de partidas em aberto. Estes últimos são apresentados nas filiais processadas de forma descentralizada para sedes (553) e em sedes para filiais (554).

Ao modificar o código de Razão Especial, um subtotal é calculado após as respectivas partidas em aberto e, se necessário, apresentadas em separado conforme as moedas de transação (560 – 562).

No caso da ordenação das partidas individuais segundo empresas e uma solicitação interempresarial (versão de grupos de empresas) sem solicitação indi
vidual é estruturado um subtotal de acordo com as respectivas partidas individuais de uma empresa e eventualmente exibido separadamente de acordo com moedas de transação (563 – 564).

No caso da ordenação de partidas 2, os subtotais são eventualmente editados em separado, conforme as moedas de transação, e

    • no fim das partidas individuais de uma filial (570 – 574)
    • no fim das partidas individuais de uma sede (575 – 579)
    • no fim das partidas individuais de uma filial administradas na conta de uma sede (570 – 574)

Após as partidas em aberto, é editado separadamente o total (580 – 584), se necessário, de acordo com as moedas de transação.

No caso da ordenação de partidas 1, na qual as partidas em aberto são editadas sem diferenciação de acordo com sede ou filial, a exibição do saldo total é precedida de uma lista das filiais incluídas na especificação do item de uma sede (590 – 591) ou das sedes nas quais são administradas as partidas de uma filial (592 – 593).

No caso de sedes com filiais processadas de modo descentralizado, é editada uma observação antes da exibição do saldo total (594), indicando que as filiais recebem cartas especiais.

Para a janela “INFO”, existem os seguintes elementos:

    • O elemento de texto 505 edita o nome do responsável no parceiro de negócios e o número de conta que a empresa do usuário tem, junto do parceiro de negócios.
    • O elemento de texto 506 não contém estas informações.
  • A janela para a carta de resposta

Para a carta de resposta, é necessário estarem definidas as seguintes janelas:
HEADER_B
O endereço do cliente encontra-se no texto do cabeçalho. O layout do endereço é efetuada de acordo com regras postais.
ADDRESS_B
Esta janela contém dados do remetente do cliente, bem como o endereço de resposta que é editado de acordo com regras postais.
INFO_B
As informações gerais, como os dados de conta e a data de emissão da carta, são editadas nesta janela. Para outras informações a serem preenchidas pelo cliente, é possível prever linhas em branco comentadas.
MAIN
A janela principal define, por meio dos elementos, o conteúdo e o aspecto do texto da carta de resposta.

  • Os elementos de texto para a carta de resposta

Após o endereço da empresa (610), para o qual deve ser efetuada a confirmação, são listadas as filiais ou sedes incluídas na confirmação nas sedes ou filiais processadas de forma descentralizada. As confirmações e comunicações de saldos podem ser tratadas de forma diferente das solicitações de saldos.

No caso das confirmações e comunicações de saldo, é editado o saldo total das partidas em aberto (620 – 631).

A área para a resposta do cliente está criada como passagem de texto a selecionar. As respostas propostas ou a serem preenchidas podem ser indicadas para confirmações de saldos (642 – 644), comunicações de saldos (645, 646) e solicitações de saldos (651 – 672). Os textos deste elemento são sempre tratados como parágrafos conectados e não são separados por uma quebra de página. A estes textos, precedem textos que não têm esta proteção de parágrafo: confirmação de saldos (640), solicitação de saldos (641) e pedidos de informações sobre saldos (650).

Se o usuário não deseja utilizar os textos fornecidos, poderá proceder da seguinte forma:

• Caso só se pretenda editar um breve texto contínuo sem proteção de parágrafo nas cartas, entrar este texto nos elementos 640, 641 e 650.

• Se o usuário pretender utilizar a proteção de parágrafo, é possível entrar o texto nos outros elementos correspondentes, como por exemplo, 645, 646 ou 651.

A fórmula de despedida e a assinatura (608) encerram a resposta.

O rodapé de página da resposta (690) é imprimido se for editado, no mínimo, um parágrafo no qual aparece uma nota de rodapé no registro de formulário modelo. É também possível utilizar um rodapé de página (691) a ser editado em cada página da carta de resposta. Para utilizar uma destas duas opções, o elemento não pretendido deverá ser totalmente eliminado do formulário. Se faltarem os elementos para os rodapés de página no formulário, não será editada qualquer mensagem no log de erros, o que não acontece com os outros elementos.

Existem os seguintes elementos para a janela “INFO2”:

• O elemento de texto 605 edita o nome do responsável do parceiro de negócios e o número de conta da empresa do usuário no parceiro de negócios.

• O elemento de texto 606 não contém estas informações.

  • Lista de reconciliação

Para cada empresa é editada uma lista de reconciliação (por exemplo F130_LIST_01 para COURIER 12 ou F130_LIST_02). O formulário compõe-se das páginas LI_FIRST (primeira página) e LI_NEXT (páginas seguintes).

  • Janela para a lista de reconciliação

Para a lista de reconciliação, é necessário definir as seguintes janelas:

HEADER

Aqui são editadas informações tal como nas listas ABAP da aplicação FI. Além do título da lista, é possível apresentar aqui outras informações, como a data fixada para reconciliação e o ID de execução. O cabeçalho é repetido a cada página da lista.

MAIN

A janela principal define o conteúdo e o aspecto da lista de reconciliação por meio dos elementos

  • Os elementos de texto para a lista de reconciliação

Para a lista de reconciliação, é necessário definir na janela “MAIN” os seguintes elementos:

A lista de reconciliação começa com os dados para a execução do report. Para a primeira carta, é possível editar, por exemplo, a data de emissão e a data desejada de resposta. No caso dos lembretes é ainda possível efetuar informações adicionais (720).

O título de coluna (730) é editado em cada página.

Para clientes individuais, contas CD, e sedes/filiais, os dados de conta e o saldo total são editados na moeda interna (740).

As filiais incluídas nas confirmações de saldos de sedes (741) e as sedes incluídas nas filiais processadas de forma descentralizada (742) são marcadas sem indicação de montante.

O saldo total e outros dados serão listados na moeda interna para os clientes CD individuais como dados de endereço de confirmações de saldos (743).

No fim da lista de reconciliação, é apresentado o total dos saldos dos clientes apresentados na lista de reconciliação (760).

Os saldos totais e a soma total podem ser divididos de acordo com a moeda à exceção do saldo total de uma conta CD (750).

O fim de uma lista de reconciliação compõe-se de dados estatísticos (770), como as confirm
ações de saldos criadas e o número de cartas que se referem a um saldo total de zero. Os saldos parciais de zero não são aqui considerados ou contados à parte.

  • Tabela de resultados

Para cada empresa, é editada uma tabela de resultados (por exemplo F130_RESULT_01 para COURIER 12 ou F130_RESULT_02) que serve para analisar a respectiva execução de confirmação de saldos. Grande parte da lista tem que ser preenchida manualmente. O formulário compõe-se das páginas ET_FIRST (primeira página) e ET_NEXT (páginas seguintes).

  • A janela da tabela de resultados

Para a tabela de resultados, é necessário definir as seguintes janelas:

HEADER

Aqui são editadas informações semelhantes às listas ABAP da aplicação FI. Além do título da lista, é ainda possível apresentar outras informações como, por exemplo, a data fixada de reconciliação e o ID de execução. O cabeçalho é repetido a cada página de lista.

MAIN

A janela principal define, por meio dos seus elementos, o conteúdo e o aspecto da tabela de resultados.

  • Os elementos de texto da tabela de resultados

Para a tabela de resultados, têm que estar definidos os seguintes elementos na janela “MAIN”:

A tabela de resultados começa com os dados para a execução do report. No caso da primeira carta, é possível editar aqui, por exemplo, a data de emissão e a data de resposta desejada (805). No caso dos lembretes, é ainda possível efetuar informações adicionais (806).

O título de coluna (810) é editado em cada página.

A tabela de resultados compõe-se no formulário modelo das seguintes áreas:

• Dados da respectiva execução do report (820-829)

• Passagens para cartas não devolvidas (830-832)

• Passagens para a análise das cartas sem resposta ou devolvidas sem confirmação (840-850)

• Passagens para análises de respostas com confirmações (850-896).

Adicional ou opcionalmente, é também possível editar uma lista que não seja dividida por elementos ou um texto seqüencial (899).

Os dados para a execução do report repetem os dados estatísticos e a soma total dividida por moedas da lista de reconciliação (820-823). Estes dados são completados por meio dos dados de porcentagem relativamente aos montantes individuais. O valor de referência para os dados de porcentagem dos montantes em moeda interna corresponde à soma total em moeda interna. No caso de várias moedas com saldos em moeda interna com diferentes sinais +/-, a soma total é apresentada na moeda interna para cada sinal +/-. Para as execuções de report nas quais foram apenas geradas confirmações por meio de saldos zero, são válidos elementos especiais (824-827).

O fim dos dados para a execução do report representam a soma total na moeda interna (827). No caso de execuções de saldos a zero, é válido um elemento especial (828). O sistema produz igualmente uma edição especial para o caso de ocorrer uma confirmação de montante em várias moedas em uma execução de report, resultando em saldos individuais na moeda interna com diferentes sinais +/- (828-829).
A área de lista para as cartas não devolvidas consiste basicamente, no caso das confirmações e solicitações de saldos, em uma linha que contém o texto e a chave de uma moeda de documento (830). Se ocorrerem várias moedas em uma execução de report, são editadas linhas de continuação para as outras moedas (831). No caso de uma execução saldo zero simples, ocorre uma edição especial (832). Para as comunicações de saldos, nas quais são comuns as cartas não devolvidas, são também válidos elementos análogos (833-835).

A lista de itens do serviço para as cartas devolvidas sem confirmação subdivide-se em uma linha de título ou texto (840), na área para cartas com endereço desconhecido (841-844) e na área de respostas devolvidas sem resposta por outros motivos (845-848). Cada uma das seções reservadas para as cartas de endereço desconhecido e as respostas sem confirmação compõe-se basicamente de uma linha que contém, entre outros, o texto e uma moeda de documento (841, 845). Se existirem várias moedas em uma execução de report, são editadas, para as outras moedas, as linhas de continuação (842, 846). No caso de uma execução saldo zero simples, ocorrerá uma edição especial (843, 847). No caso de confirmações e solicitações de saldos é ainda editada, na primeira carta, uma nota ‘A partir de’ para dados da carta de advertência (844, 848).

A lista de itens do serviço para respostas com um confirmação subdivide-se em uma parte geral (850-853), uma parte para confirmações semelhantes (854-856) e uma parte para confirmações divergentes (860-896).

A parte geral para todas as repostas com confirmação compõe-se basicamente de uma linha que contém, entre outros, o texto e a moeda de documento (850). Se ocorrerem várias moedas em uma execução de report são editadas, para as outras moedas, linhas de continuação (851). No caso de execução saldo zero simples, ocorre uma edição especial (852). No caso de confirmações e solicitações de saldos é ainda editada, na primeira carta, uma nota ‘A partir de’ para dados de carta de advertência (853). Para as confirmações semelhantes e não semelhantes, é editada uma linha que contém, entre outros, o texto e uma moeda de documento (854, 860). Caso ocorram várias moedas em uma execução de report, são editadas, para as várias moedas, as linhas de continuação (855, 861). No caso de uma execução saldo zero simples, ocorre uma edição especial (856, 862). As confirmações que não são semelhantes podem ainda ser subdivididas, onde estão disponíveis linhas de texto (863, 880, 890), linhas com texto e uma moeda de documento (870, 881, 891, 894), linhas de continuação em várias moedas (871, 882, 892, 895) e linhas para execuções saldo zero simples (872, 883, 893, 896).

É possível editar um texto atual ou uma lista não subdividida adicional ou opcionalmente ao conceito realizado no formulário modelo para a análise de execuções de confirmação de saldo (899).

  • Símbolos de texto utilizáveis

Ao instalar os formulários em SAPscript, são incluídos no texto símbolos de texto que são substituídos por valores atuais para o prazo de validade do programa de impressão. Os campos que podem ser utilizados para tal, estão definidos no ABAP Dictionary e são disponibilizados, em função da execução do programa, da seguinte forma:

• para o total da execução do report

o Denominação do processo de confirmação (campo RF130-BZSBVERF)

o Data fixada de reconciliação (campo RF130-ABSTIDAT)

o Data de emissão (campo RF130-AUSSTDAT)

o Data de emissão antiga (campo RF130-UAUSTDAT)

o Data da resposta (campo RF130-RUECKDAT)

o Data da resposta antiga (campo RF130-URUECKDA)

o Índice de execução (campo RF130-LAUFI)

o Nome do report (campo RF130-REPID)

• para as edições em uma empresa

o Dados da tabela de empresa (tabela T001)

o Endereço da empresa (estrutura interna BKADR)

o Endereço da resposta (estrutura interna RAADR)

• para a carta e resposta

o Endereço do cliente a partir do registro de cliente ou em clientes CD a partir do documento (estrutura interna DKADR)

o dados de conta gerais sempre a partir do registro mestre do cliente (campos KNA1-KUNNR, KNA1-ANRED, KNA1-BRSCH, KNA1-DATLT, KNA1-KNRZA, KNA1-KONZS, KNA1-LAND1, KNA1-LIFNR, KNA1-NAME1, KNA1-NAME2, KNA1-NAME3, KNA1-NAME4, KNA1-ORT01, KNA1-ORT02, KNA1-PFACH, KNA1-PSTL2, KNA1-PSTLZ, KNA1-REGIO, KNA1-COUNC, KNA1-CITYC, KNA1-SPRAS, KNA1-STRAS, KNA1-TELBX, KNA1-TELF1, KNA1-TELF2, KNA1-TELFX, KNA1-TELTX, KNA1-TELX1, KNA1-XCPDK, KNA1-VBUND)

o dados da conta específicos da empresa sempre a partir do registro mestre de cliente (campos KNB1-BUKRS, KNB1-BUSAB, KNB1-KNRZE, KNB1-KNRZB, KNB1-XVERR, KNB1-EIKTO, KNB1-ZSABE, KNB1-XDEZV)

o Responsável contabilidade (tabela T001S)

o Dados de endereço do responsável pela contabilidade do endereço pessoal do utilizador SAPoffice (estrutura FSABE)

• para a especificação das partidas em aberto na carta

o Dados de partidas individuais (campos RF130-BLART, RF130-BLDAT, RF130-DMSHB, RF130-WRSHB, RF130-WAERS, RF130-GSBER, RF130-BELNR, RF130-XBLNR, RF130-BELEGNUM, RF130-SGTXT, RF130-UMSKZ, RF130-MONAT, RF130-GJAHR, RF130-BSCHL, RF130-BSTAT, RF130-ZUONR, RF130-NETDT, T003T-LTEXT, todos os campos BSID)

o Saldo zero no cliente, cliente CD, sedes/filiais (campo RF130-KONTO)

o Edição de sedes/filiais em dados de partidas individuais (campo RF130-KONTO) e em resultados de endereço especiais (estruturas internas FIADR, ADRZE, tabela *T001S)

o Os saldos são editados de acordo com as respectivas moedas de documento (campos RF130-WAERS, RF130-SALDO). Está ainda disponível a denominação do código do livro do Razão Especial, para a edição de saldos para cada código deste tipo (campo T074T-LTEXT).

• Resposta

o Edição de sedes/filiais (estruturas internas FIADR, ADRZE tabela *T001S, *FSABE)

o Os saldos são editados de acordo com as respectivas moedas de documento (campos RF130-WAERS, RF130-SALDO).

• Lista de reconciliação

o Especificação do item dos clientes (campos RF130-KONTO, RF130-KUNNR, RF130-NAME1, RF130-LAND1, RF130-PSTLZ, RF130-ORT01, RF130-REGIO, RF130-HWAER, RF130-SALDOHW, RF130-WAERS, RF130-SALDO, RF130-GSALDD)

o Soma total (campo RF130-GSALDB)

o Dados estatísticos (campos RF130-ANZSALDB, RF130-ANZNULLS)

o Dados de uma amostra (campos RF130-ANZKONT, RF130-STICHPR)

• Tabela de resultados

o Parte geral

Dados estatísticos (campos RF130-ANZSALDB, RF130-ANZNULLS)

Saldos, moedas e porcentagens (campos RF130-HWAER, RF130-SALDOHW, RF130-GSALDB, RF130-PROZS, RF130-WAERS, RF130-SALDO, RF130-PROZW)

o outras análises (campos RF130-HWAER, RF130-WAERS)

f.17

Saída

Por cliente, é editada uma carta e uma resposta. Por empresa, é editada uma lista de reconciliação, uma tabela de resultados e, eventualmente, uma lista de erros. Por execução de report, é possível editar um falso-rosto de seleção. Para efeitos de teste, pode ser editada uma edição na tela. Se os formulários e listas forem editados no spool, a composição do título da ordem de saída será a seguinte: a identificação F130D com um número (1 a 4), os primeiros quatros caracteres da variante de report utilizada pelo usuário, a data fixada de reconciliação e a empresa. As identificações numeradas têm os seguintes significados:

• F130D0 = ordem spool com falso-rosto de seleção

• F130D1 = ordem spool com cartas e respostas

• F130D2 = ordem spool com lista de reconciliação

• F130D3 = ordem spool com tabela de resultados

• F130D4 = ordem spool com lista de erros

Versão de grupo de empresas / Confirmação de saldos interempresarial

No caso da confirmação de saldos interempresarial, é gerada por cliente/fornecedor uma carta e uma carta de resposta.

• Nota

Certifique-se que durante a execução de SAPF130D/SAPF130K na delimitação das empresas só estão gravadas as respectivas empresas de correspondência.
Solicitação individual

No caso da confirmação de saldos interempresarial com solicitação individual é gerado por cliente/fornecedor e empresa uma carta e uma carta de resposta. Por empresa é emitida uma lista de reconciliação e uma tabela de resultados.

Para o endereço de resposta, tal como para o logotipo da empresa são utilizadas as empresas de correspondência.

• Notas

Certifique-se que durante a execução de SAPF130D/SAPF130K na delimitação das empresas só as empresas atribuídas a empresas de correspondência são gravadas.

Uma solicitação individual só pode ser usada simultaneamente com a versão de conversão.

Faça a inscrição para a prova de certificação. Estude com os simulados Bynem

Veja Também